Greenpeace encerra tour de consumidores com protesto em supermercado de SP

Notícia - 3 - dez - 2003
Organização anunciou que três empresas — Pan, Nutrimental e Mabel — passaram para a coluna verde do guia

O Greenpeace realizou hoje uma atividade em um supermercado em São Paulo, na qual recolheu das prateleiras diversos produtos que constam da lista vermelha do Guia do Consumidor - lista de produtos com ou sem transgênicos (1). Os ativistas entregaram os produtos à gerência do supermercado e solicitaram a sua retirada de comercialização até que os fabricantes garantam que não utilizam matéria-prima geneticamente modificada.

A atividade marcou o encerramento do tour de Consumidores do Greenpeace, iniciado em Brasília no Dia Mundial da Alimentação (16/10). Como resultado da crescente pressão dos consumidores, mais três grandes indústrias de alimentos - Chocolates Pan, Nutrimental e Mabel (2) - se comprometeram a garantir ao consumidor produtos livres de transgênicos, e passaram para a lista verde do guia. A publicação conta agora com um total de 30 indústrias de alimentos que já oferecem esta garantia no Brasil.

"O comprometimento de mais estas três empresas demonstra o potencial da mobilização dos consumidores. As indústrias da lista vermelha, como a Danone e a Bauducco, cujos produtos foram recolhidos hoje, terão de adotar controle de transgênicos se não quiserem ficar em desvantagem na preferência do consumidor", disse a assessora da Campanha de Engenharia Genética do Greenpeace, Gabriela Vuolo.

A Campanha de Consumidores da organização visitou capitais de seis Estados brasileiros (3) para a realização de atividades e a promoção do site Consumidores em Ação. O site, que continuará funcionando após o encerramento do tour, possui informações básicas sobre o assunto e propostas de atividades que os consumidores podem realizar para participar e fazer com que o Brasil continue sendo um país livre de transgênicos.

"Enquanto o governo não conseguir garantir o direito à informação do consumidor, por meio da fiscalização da lei rotulagem, o Guia do Consumidor continua sendo a principal referência para quem deseja evitar o consumo de transgênicos e obter informações básicas sobre o assunto", afirmou Gabriela.

O Guia do Consumidor, que já está em sua terceira edição, é composto por duas colunas: na verde estão os produtos de empresas que garantem não utilizar transgênicos, e na coluna vermelha estão os produtos de indústrias de alimentos que não oferecem esta garantia. Desde a publicação da última edição do Guia, em maio de 2003, foram distribuídas mais de 135 mil cópias impressas e foram realizados cerca de 300 mil downloads no site.

(1) O Guia do Consumidor - lista de produtos com ou sem transgênicos está disponível para download.

(2) Veja as cartas da Mabel, Pan e Nutrimental.

(3)  As capitais visitadas foram Brasília, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Cuiabá, Belo Horizonte e Salvador.